Pior nível da Bolsa do Japão em 3 semanas é atingido por causa de surto do coronavírus

0

Nesta terça-feira, 28, o mercado de ações japonês recuou e atingiu o seu menor nível nas últimas 3 semanas. O Índice Nikkei teve baixa de 0,55%, chegando a 23.215,71 pontos. Essa queda na Bolsa do Japão aconteceu por causa das medidas tomadas pelas autoridades chinesas para conter a propagação do coronavírus.

É importante mencionar que, desde 8 de janeiro, a Bolsa de Valores de Tóquio não havia tido uma queda tão expressiva. Quer saber mais informações sobre o mercado acionário japonês? Então continue lendo o nosso artigo!

bolsa do japão
Entenda o motivo da baixa da Bolsa do Japão! (Foto: Paul Yeung/Bloomberg)

Mais detalhes sobre a queda na Bolsa do Japão

Os setores do turismo e das indústrias foram muito afetados na China graças ao surto do coronavírus. Por causa disso, muitos investidores preferiram vender suas ações a terem grandes perdas.

O prejuízo com relação à difusão do vírus chegou até em empresas que estão em um período de grande crescimento. Esse é o caso da Kayence e da Recruit Holdings. Isso porque essas instituições tiveram queda de 2,8% e 1,9% respectivamente.

Além disso, vale lembrar que o surto do coronavírus já causou a morte de mais de 100 pessoas na China. Por essa razão, as empresas de Zhejiang, uma província do país, ficaram proibidas de funcionar até o dia 9 de fevereiro.

Se, na Ásia, a situação do mercado financeiro não está muito favorável, na Europa as coisas estavam um pouco melhor. Isso porque, nesta terça-feira, as bolsas européias estavam estáveis no momento de sua abertura.

Às 7h50 (de acordo com o horário de Brasília), o índice FTSEEurofirst 300 tinha queda de 0,01%, atingindo 1.619 pontos. Já o índice pan-europeu STOXX 600 caia 0,06%, chegando a 414 pontos. É importante mencionar que, na sessão anterior, as bolsas da Europa tiveram o seu pior nível nos 4 últimos meses.

Além disso, vale a pena listar algumas Bolsas de Valores que desvalorizaram bastante nesta terça. O Índice de Seul (KOSPI) caiu 3,09%, chegando a 2.176 pontos. O de Cingapura (STRAITS TIMES), por sua vez, teve queda de 1,81%, atingindo 3.181 pontos. Já o de Sydney (S&P/ASX 200) teve desvalorização de 1,35%, ficando com 6.994 pontos.

Considerações finais

Isto posto, nós do WR Notícia esperamos que você tenha entendido por que a Bolsa do Japão teve uma queda tão expressiva. Tendo isso em vista, comente o que você acha da desvalorização do mercado acionário japonês e, em seguida, diga o que você pensa sobre o surto do coronavírus na China.

Também não deixe de acompanhar os nossos artigos aqui no site! Além desse texto sobre a Bolsa do Japão, há muito conteúdo relevante esperando por você!

 

Fonte: G1